quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

Jardim zen

É o tipo de coisa que você tem experimentar por si mesmo, pois é difícil descrever a sensação: passar algumas horas no tablado do templo Ryonji (dragão em paz), em Kyoto, no Japão, contemplando o jardim de pedras. Já até imagino o comentário de alguns: pôxa, mas não tinha nada melhor pra fazer?

O jardim do templo Ryonji é patrimônio mundial declarado pela Unesco e desafia a imaginação de milhares de visitantes todo ano com sua composição abstrata com um total de quinze pedras de diferentes formas e tamanho que estão organizados em um leito de cascalho branco que é remexido todos os dias. Nada de flores, sem fontes e sem árvores. O vazio chama mais a atenção do que o conteúdo.


O templo foi construído por volta de 1450 e parece ter sido reservado para a meditação budista. A construção aconteceu durante um período de revolução nas artes visuais no Japão, na era Muromachi (1333-1573). Ninguém conhece o artista responsável pelo jardim, nem qualquer explicação foi deixada a respeito da disposição das rochas. As pedras de diferentes tamanhos estão dividas em 5 grupos dispersos e, não importa o ângulo do observador, só é possível a visualização de 14 das 15 rochas. Diz a lenda que você só conseguirá observar todas as 15 ao mesmo tempo quando atingir o nirvana, a iluminação espiritual decorrente da meditação zen…

Mas o que intriga os visitantes é a serenidade proporcionada pelo local. Parece que o jardim quer transmitir algo através da aparente distribuição aleatória das rochas no espaço. Em 2002, pesquisadores publicaram na renomada revista científica “Nature” uma possível explicação para o mistério do jardim de Ryonji. O segredo: uma mensagem subliminar escondida na disposição das rochas (Tonder, Lyons e Ejima, 2002).

E, em apoio à idéia de que a disposição original não foi acidental, o artigo sugere que a sensação de bem estar causada pela contemplação do jardim foi projetada com base na física do olho e no inconsciente humano.

2 comentários:

Greta Poltronieri disse...

nossa...deve ser muito legal..eu tinha uma miniatura do jardim e me distraia rolando as pedrnhas arrastando o rastelinho...

Dri disse...

Helena, vc tem um blog agora? Vixi, faz tempo que eu não te visito Vou colocar vc no meu feeds.
Bjs x