segunda-feira, 19 de janeiro de 2009

Yoga para os olhos

Os óculos do Dr. Willian Bates e Meir Schneider têm como objetivo, ensinar o cérebro a reprogramar as funções visuais, condicionando-o a manter a musculatura ocular relaxada e assim permitir aos olhos voltarem ao seu formato normal, através da melhora do fluxo de avaliação do comportamento, quando os olhos serão constantemente encorajados e o comportamento bom recompensado. Mundialmente as pessoas sabem pouco ou nada sobre os Óculos de PinHole® (óculos de pequenos furos), isto apesar do efeito Pin Hole ser conhecido pela ciência desde a antiguidade e nesta mesma época, ser utilizado para correção da visão pelos chineses. Contemporaneamente este efeito é utilizado na astronomia, na fotografia e até pela medicina oftálmica, sendo que a sua utilização na forma de óculos remonta ao início do século passado, por volta de 1930.

Os óculos Yoga para os olhos não têm lentes corretivas, apenas lentes perfuradas. Os raios movimentam-se com grande velocidade no interior do olho, através da córnea e do líquido do cristalino e do corpo vítrio até atingir a retina. Esta é revestida de receptores sensíveis à luz, os quais transformam os raios luminosos em impulsos elétricos. Os raios luminosos, ao incidirem nos olhos, são refratados e agrupados em um feixe para atingir o centro da retina. Porque está área é a parte mais sensível da retina e a que permite visão melhor e mais nítida.            

Reduzindo a entrada dos raios luminosos, estes óculos permitem uma focalização maior exatamente no centro da retina, a área que ‘enxerga’ melhor. Ou como numa máquina fotográfica: quanto menor o diafragma maior a nitidez da imagem recebida.

A diferença entre as lentes de grau (ou compensatórias) que permitem enxergar clara e imediatamente os objetos, mas não tem efeito terapêutico pois são como muletas só funcionam tratando o efeito, não resolvendo as causas e como as drogas, incentivam a progressão do problema, pois viciam, os Óculos de PinHole tem como objetivo, ensinar o cérebro a reprogramar as funções visuais, condicionando-o a manter a musculatura ocular relaxada e assim permitir aos olhos voltarem ao seu formato normal, através da melhora do fluxo de avaliação do comportamento, quando os olhos serão constantemente encorajados e o comportamento bom recompensado.

São excelentes para leitura, para assistir televisão, para computador, e também para sol. Com seu uso continuado melhora os músculos oculares, a circulação sanguínea e a mobilidade dos olhos.

Um comentário:

Greta Poltronieri disse...

Hum...gostei do seu blog...do seu jeito sincero e etc.

Sabe outro dia eu fui no shopping e vi uma senhora com um oculos igualzinho,pensei:"que raio de oculos é esse..."
Pensei que posse até piada.
Ainda bem que encontrei esse blog para me esclarecer!!!

Valeu, e parabéns pelos achados!!