sexta-feira, 29 de maio de 2009

21 Motivos para ser vegetariano

Esta foto foi vencedora do Prêmio Pulitzer, e foi tirada em 1994, durante a grande crise de fome que avassalou o Sudão. A foto mostra uma criança faminta e agonizante, que reateja na direção de um campo de alimentos das Nações Unidas, situado a 1 km de distância. O abutre espera que a criança morra para poder comê-la. Esta foto chocou o mundo inteiro. Ninguém sabe o que aconteceu à criança, nem mesmo o fotógrafo Kevin Carter, autor da foto e ganhador do prêmio. Ele deixou o local horrorizado logo que terminou a foto. Três meses mais tarde, Carter suicidou-se devido à uma forte depressão.

"1- Evitar carne é um dos melhores e mais simples caminhos para cortar a ingestão de gorduras. A criação moderna de animais provoca artificialmente a engorda para obter mais lucros. Ingerir gordura animal aumenta suas chances de ter um ataque cardíaco ou desenvolver câncer; 

2- A cada minuto todos os dias da semana, milhares de animais são assassinados em abatedouros. Muitos sangram vivos até morrer. Dor e sofrimento são comuns. Só nos EUA, 500.000 (meio milhão) de animais são mortos a cada hora! 

3- Há milhões de casos de envenenamento por comida relatados a cada ano. A maioria é causada pela ingestão de carne; 

4- A carne não contém absolutamente nada de proteínas, vitaminas ou minerais que o corpo humano não possa obter perfeitamente de uma dieta vegetariana; 

5- Os países africanos - onde milhões morrem de fome - exportam grãos para o primeiro mundo para engordar animais que vão parar na mesa de jantar das nações ricas; 

6- "Carne" pode incluir rabo, cabeça, pés, reto e a coluna vertebral de um animal; 

7- A membrana utilizada para envolver salsichas e linguiças é a dos intestinos do porco. Uma salsicha pode conter pedaços de intestino. Como alguém pode estar certo que os intestinos estavam vazios quando utilizados? Você realmente quer comer o conteúdo do intestino de um porco? 

8- Se comêssemos as plantas que cultivamos ao invés de alimentar animais para corte, o déficit mundial de alimentos desapareceria da noite para o dia. Lembre-se que 100 acres de terra produzem carne suficiente para 20 pessoas, grãos suficientes para alimentar 240 pessoas! 

9- Todos os dias dezenas de milhões de pintinhos de apenas 1 dia de vida são mortos apenas porque não podem botar ovos. Não há regras para determinar como ocorre a matança. Alguns são moídos vivos ou sufocados até a morte. Muitos são utilizados como fertilizantes ou como ração para alimentar outros animais; 

10- Os animais que morrem para à sua mesa de jantar morrem sozinhos, em pânico e terror, em profunda depressão e em meio a grande dor. A matança é impiedosa e desumana; 

11- É muito mais fácil ser e manter-se elegante quando se é vegetariano;

12- Metade das florestas tropicais do mundo foram destruídas para fazer pasto para criar gado para fazer hamburguer. Cerca de 1000 espécies são extintas por ano devido à destruição das florestas tropicais; 

13- A cada 6 segundos alguém morre de fome porque pessoas no Ocidente estão comendo carne. Cerca de 60 milhões de pessoas morrem de fome por ano. Todas essas vidas poderiam ser salvas, porque estas pessoas poderiam estar comendo os grãos usados para alimentar animais de corte, se só os norte-americanos comessem 10% a menos de carne; 

14- As reservas de água fresca do mundo estão sendo contaminadas pela criação de gado de corte. E os produtores de carne são os maiores poluidores das águas. Se a indústria de carne no EUA não fosse subsidiada em seu enorme consumo de água pelo governo, algumas gramas de hambúrguer custariam US$ 35; 

16- As seguintes doenças são comuns em comedores de carne: anemias, apendicite, artrite,  câncer de mama, câncer de cólon, câncer de próstata, prisão de ventre, diabetes, pedras na vesícula, gota, pressão alta, indigestão, obesidade, varizes. Vegetarianos há longo tempo visitam hospitais 22% menos que carnívoros e por pouco tempo. Vegetarianos têm 20% menos colesterol que carnívoros e isso reduz consideravelmente ataques cardíacos e câncer; 

17- Alguns produtores usam calmantes para manter os animais calmos. Usam antibióticos para evitar ou combater infecções. Quando você come carne, está ingerindo estas drogas. Na América do Norte 55% de todos os antibióticos são dados a animais de corte, e a porcentagem de infecções por bactérias resistentes à penicilina avançou de 13% em 1960 para 91% em 1998; 

18- Num período de vida um comedor de carne médio terá consumido 36 porcos, 36 ovelhas e 750 galinhas e perus. Você deseja tanta carnificina em sua consciência? 

19- Os animais sofrem dor e medo como nós. Passam as últimas horas de sua vida trancados em um caminhão, encerrados com centenas de outros animais, igualmente apavorados, e depois são empurrados para um corredor da morte ensopado de sangue. Quem come carne sustenta o modo como os animais são tratados; 

20- Animais com um ano de vida são freqüentemente muito mais racionais - e capazes de pensamento lógico do que bebês humanos de 6 semanas. Porcos e ovelhas adultos têm uma inteligentes comparada a criancinhas de 3 anos. Comer esses animais é um ato bárbaro; 

21- Vegetarianos são mais aptos fisicamente do que comedores de carne. Muitos dos mais bem-sucedidos atletas do mundo são vegetarianos. "

~ Dr. Vernon Coleman ~

sexta-feira, 22 de maio de 2009

Tudo que eu gostaria de dizer!

Esse video diz tudo que eu gostaria de dizer para o mundo!


Por que não passa um video assim em TV ABERTA? Porque faz com que as pessoas parem um pouco e reflitam, pensem! Brilhante momento do gênio Chaplin!

"Eu só posso te mostrar o caminho, mas é você que tem que andar por ele!"

quinta-feira, 7 de maio de 2009

Homem de Flores

Estudo revela uma espécie humana totalmente nova, podendo ser comparada a "Hobbits".

Em estudo publicado pela revista "Nature", cientistas apresentaram novos indícios de que os ossos do chamado "Homem de Flores" encontrados na Indonésia pertencem, de fato, a uma nova espécie humana que teria vivido entre 17.000 e 95.000 anos atrás no nosso planeta. Os pés excessivamente longos foram um dos novos indícios.

Medindo cerca de um metro de altura e pesando em média 30 quilos, esses humanos viveram na ilha indonésia de Flores há cerca de 18 mil anos atrás. Desde a descoberta dos ossos do oficialmente designado Homo floresiensis, em 2003, já em 2004 os pesquisadores tornaram as pesquisas públicas e têm debatido sua verdadeira identidade. O único crânio encontrado abrigaria um cérebro não muito maior que o de um chimpanzé. Chegou-se a especular que se trataria de um pigmeu com deformidades genéticas.

Agora, o exame detalhado de seus membros inferiores, em especial do praticamente completo pé esquerdo, revelou que a espécie andava bem ereta, como outros hominídeos conhecidos. Também tinha cinco dedos, mas o dedão era mais parecido com o de um chimpanzé.
O mais estranho era o tamanho do pé, quase 20 centímetros, totalmente desproporcional às pernas, que lembra a fisiologia de alguns grandes macacos africanos e nunca foi vista em hominídeos. Os pés tão grandes teriam permitido que a espécie caminhasse normalmente, mas impediriam que corressem bem sobre suas pernas.


Foto: Pedaços da mão do Homo floresiensis encontrados na caverna de Liang Bua em New South Wales, Australia (Djuna Ivereigh / Arkenas).

» Nature